Arte sem filas


Por Elle Blakeman para a revista High Life

A Mona Lisa no Louvre, Paris © Matej Kastelic/Alamy

Avançar para navegação

Setembro, 2016

Ao visitar as galerias de arte e os museus mais populares da Europa, é muitas vezes confrontado com grandes filas de turistas antes de conseguir tirar uma selfie rápida com uma obra de arte. Elle Blakeman desvenda seis destinos artísticos na Europa onde conseguirá evitar filas e escapar às multidões, de Zurique a Munique.

Praga artística

Informação de interesse

Com a sua arquitetura histórica, Praga inclui mais de 20 importantes museus, mas raramente encontrará filas. Conta com um dos bairros judeus mais interessantes da Europa e a mistura de culturas ao longo dos anos produziu um grande espetro de expressão artística. “As belas-artes de Praga são frequentemente ofuscadas pela sua arquitetura exterior,” afirma McDonaugh, “Mas um bom guia irá levá-lo(a) a ver telas verdadeiramente impressionantes, obras expressionistas evocativas e um pouco do melhor de tudo – é civilização europeia no seu melhor.”

A ver

A Catedral de São Vito tem vitrais coloridos do início do século XX, que incluem painéis de Alfons Mucha, um dos maiores artistas da cidade. O lindíssimo Palácio Sternberg também apresenta uma coleção soberba de obras dos Mestres Antigos.

Descubra os nossos voos mais baratos para Praga >

  • Neue Pinakothek Museum, Munique © Alamy

    Art attack

    Juntos, o Alte e Neue Pinakothek fazem parte do Kunstareal de Munique ou "área de arte".

    Descubra Munique
  • Vitral na Catedral St Vitus, Praga © Anna Stowe/Alamy

    Raios coloridos

    O horário de visita da Catedral de São Vito é de segunda-feira a sábado, das 9:00 ás 16:40, e no domingo, das 12:00 às 16:40

    Explore Praga
  • Centro de Zurique © Marco Saracco / Getty Images

    Sabia que...

    Zurique conta com mais de 1000 fontes que seriam perfeitas como pano de fundo artístico do Instagram. Viaje de Londres para Zurique.

    Reservar voos

Mestres antigos em Munique

Informação de interesse

“Com um centro elegante e ideal para andar a pé, conseguirá ver os Alpes acima dos pináculos das igrejas de Munique, uma cidade verdadeiramente bela.” relata McDonaugh. As coleções de Munique vão dos antigos mestres flamengos e italianos até aos expressionistas alemães do grupo ‘Blue Rider’ da cidade. Contudo, não há grandes multidões e explorar a cidade a pé é simples. Há coleções de arte para todos os gostos. McDonaugh também faz nota de que "a seleção civilizada de vinhos e gastronomia, juntamente com a riqueza em termos de arte e arquitetura, tornam esta cidade o destino ideal para os apreciadores de arte passarem um fim de semana”.

A ver

Os museus Alte e Neue Pinakothek contêm uma coleção rica em pinturas europeias, sendo que o primeiro apresenta uma arquitetura inspirada nos palácios italianos. Destacam-se obras de Memling, van der Weyden, Botticelli e Rubens.

Descubra os nossos voos mais económicos para Munique >

Novos talentos em Zurique

Informação de interesse

Os banqueiros há muito que chegam às ruas elegantes de Zurique, mas a cidade tem sido menos frequentada pelos amantes de arte. Mas com o nascimento da Universidade de Arte em 2007, o distrito a oeste de Zurique transformou-se num animado centro artístico. É aí que se situa o edifício Löwenbräu, que conta com várias grandes galerias e o provocante Kunsthalle.

Para aqueles que procuram algo mais histórico, no centro da cidade encontra-se o clube de arte Cabaret Voltaire, fundado em 1916 pelo artista e poeta Hugo Ball. Foi também aqui que nasceu o movimento vanguardista Dada.

A ver

Procure as diversas instalações de arte, incluindo The Philosopher’s Egg, de Mario Merz, na estação principal da cidade, Zürich Hauptbahnhof.

Descubra os nossos voos mais baratos para Zurique >

Milão para a arte renascentista

Informação de interesse

Enquanto Florença tem sido sempre considerada como um ponto de referência da arte renascentista, Milão tem uma grande reputação pela sua moda e design, contando com a Semana da Moda de dois em dois anos, a Feira de Mobiliário anual e a instituição de arte contemporânea, Fondazione Prada .

No entanto, longe da passarela, a cidade de Da Vinci alberga também uma das melhores coleções de arte renascentista, incluindo a fabulosa Brera Art Gallery que, de acordo com o diretor geral James Bradburne, não só é o "melhor museu do qual nunca terá ouvido falar", mas se planificar devidamente a sua visita, pode conseguir vê-lo todo sozinho(a).

A ver

Na Pinacoteca di Brera, vai encontrar pinturas renascentistas italianas maravilhosas que incluem 'O casamento da Virgem' de Rafael. Passeie-se no jardim botânico dos Jesuítas de Brera, uma dos segredos mais bem guardados e mágicos de Milão.

Descubra as nossas tarifas mais baratas para Milão >

  • The Ishtar Gate, no Pergamon Museum, Berlin © Don McKinnell / Alamy

    O esplendor dos arcos

    A Porta de Ishtar foi construída em honra de Ishtar, a deusa babilónica da fertilidade e do amor. Reserve voos de Londres para Berlim e ainda uma estadia de três noites num hotel.

    Reservar voos e hotéis

Berlim para arte contemporânea

Informação de interesse

Berlim possui uma incrível mistura de museus, arte e arquitetura. "A cidade alia uma arquitetura imponente e memoriais aos eventos devastadores do séc. XX, com bairros, arte de rua e galerias independentes ", afirma James McDounagh, fundador e CEO da Art Tours.

O panorama de arte contemporânea é especialmente forte, graças ao afluxo de artistas que se seguiu à reunificação, enquanto que as galerias Neukölln, Kreuzberg, Schöneberg e Mitte tentam suplantar-se.

A ver

As coleções contemporâneas de um antigo bunker do tempo da guerra na Boros Collection e uma antiga estação de comboio na Hamburger Bahnhof são experiências extraordinárias numa cidade que prospera reinventando-se e reconstruindo-se.

Descubra os nossos voos mais baratos para Berlim >

Surrealismo em Lanzarote

Informação de interesse

Lanzarote é um dos meus locais preferidos para sair completamente dos habituais circuitos de arte”, afirma Nazy Vassegh, diretor geral da feira de arte Masterpiece. E é uma pequena surpresa, uma vez que a Ilha Canária é mais conhecida por adoradores do sol do que pelos amantes de arte. “Pode descobrir paraísos escondidos, ainda para mais quando a ilha se encontra fora dos circuitos convencionais de arte e cultura,” prossegue Vassegh.

Deixe a praia e descubra as obras do artista e arquiteto César Manrique, que passou algum tempo em Madrid e em Nova Iorque antes de regressar a Lanzarote, sua terra natal. Manrique teve uma influência fundamental sobre os planos urbanísticos da ilha, o que explica a presença de alguns hotéis de grande altura aqui.

A ver

A distante César Manrique Foundation acolhe as obras deste famoso artista no seio dos seus jardins e edifícios e ainda peças de Picasso e Miró pertencentes à coleção pessoal.

Descubra os nossos voos mais económicos para Lanzarote >